Hospital de Cirurgia realiza ação sobre as Metas de Segurança do Paciente

12 de fevereiro de 2021

Em ritmo de folia, o Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) e o Núcleo de Qualidade (NQ) do Hospital de Cirurgia, em parceria com o Grupo Multiamor, formado por residentes multiprofissionais do nosso hospital, realizaram nas últimas terça e quarta-feira, 09 e 10 de fevereiro, uma ação voltada para a difusão das metas de segurança do paciente, usando a temática carnavalesca para promover um ambiente mais alusivo. Na ocasião, os foliões da saúde, percorreram as áreas assistenciais e administrativas da instituição, sensibilizando os profissionais do hospital sobre a importância das práticas de segurança do paciente.

Leia mais

Durante a ação, foram abordadas as seis metas de segurança, tais como: identificação correta do paciente, comunicação efetiva, administração segura de medicamentos, cirurgia segura, higienização das mãos e a prevenção de quedas e lesão por pressão. As metas foram divulgadas através de paródia criada pela equipe do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital Agenor Paiva, de Salvador/BA.

Paródia –“A segurança vem chegando, perguntando, questionando que evento é esse aí, mas peraí, se ligue aí. Você já conhece as metas já não é mais novidade, a segurança manda aqui, mas mesmo assim, vou te explicar. Identifica o paciente, bota a pulseira da alergia, e vá suspender a grade, pro paciente não cair. Higienize as suas mãos, isto controla infecção. E tem a comunicação, que é meta para alcançar. A cirurgia começando de uma forma mais segura tem o check-list aí, olhe ele aí, checa aí. Antes da medicação olhe direito a prescrição ver se não se engana aí, se ligue aí, e faz assim. Olhe a mudança de decúbito, é importante relembrar, um paciente sem ferida, mais seguro vai ficar. Presta atenção no equipamento, se ele tem bom funcionamento, é que por sonda ou a gaze, se a queixa tem que registrar. Olhe a broncoaspiração, um risco para gerenciar, pneumonia aspirativa, você tem que evitar. Higienize as suas mãos, isto controla infecção. E tem a comunicação, que é meta para alcançar”.

De acordo com a Gerente do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital de Cirurgia, Juliana Cabral, a abordagem da temática é fundamental para a eficácia e eficiência nos serviços de saúde.

“Nossa estratégia foi aproveitar o mês do carnaval e falar sobre a temática de forma mais descontraída e lúdica, objetivando sempre a melhoria de nossa assistência ao paciente como também o empoderamento dos nossos colaboradores da cultura de segurança na saúde”, concluiu Juliana.

Postado em Enfermagem, Saúde